E-mail Imprimir

Imprensa | Ultimas Notícias

VOLTAR

INVESTIMENTO DE R$ 1,7 MILHÃO

05 de Agosto | 12:54

Autor: Michel Ferreira Fonte: Ascom Foto: Divulgação

Moradores comemoram chegada do asfalto em avenida e ruas de Nova Ubiratã

O empresário Darci Machado, 40, acompanha atento a movimentação de maquinários e trabalhadores em frente à funilaria que ele administra com  ajuda da esposa e dois filhos.

 

Residindo em Nova Ubiratã desde 1998, Machadinho, como é popularmente conhecido, comemora a chegada das obras de pavimentação asfáltica da rua Goiás.

 

“Quem mora á margem de uma rua de terra enfrenta muitas dificuldades. No período chuvoso temos o excesso de lama e durante a seca o problema é a poeira. Sem falar dos equipamentos de pintura que acabam tendo a vida útil reduzida em virtude do excesso de pó”, afirma o empresário que precisa desembolsar R$ 1,4 mil para fazer a reposição do filtro de ar da estufa de pintura.

 

Por ser uma peça de reposição incomum, os filtros são trazidos de Curitiba (PR) o que devido ao transporte acarreta um aumento de custo significativo.

 

Ao ser questionado sobre quais são as mudanças trazidas com as obras de pavimentação o empresário é enfático.

 

“Muda absolutamente tudo, nossa qualidade de vida será melhor. Já estamos pensando em fazer a ampliação da funilaria para proporcionar um melhor atendimento aos nossos clientes. Nossa vida vai mudar da ‘água pro vinho’”, diz sorridente.

 

Outro que também acompanha atento a execução dos serviços é o comerciante e pioneiro do município, Eliseu Rodrigues.

 

Sócio proprietário de um supermercado, situado na avenida Juscelino Kubitschek, ele já deu início as obras de implantação da empresa administrada pelos filhos e a esposa, Aurora Stefane Rodrigues.

 

“Minha família sempre acreditou no potencial de Nova Ubiratã. Sempre tivemos esperança que uma hora dessas o asfalto chegaria aqui e essa hora finalmente chegou”, disse o comerciante.

 

De acordo com o prefeito Valdenir José dos Santos, que acompanhou o andamento das obras, nesta sexta-feira (02), a iniciativa faz parte do programa de pavimentação asfáltica que já contemplou mais de mil famílias do município.

 

“Tão importante quanto à expansão territorial do perímetro urbano é promovermos ações de melhorias nos bairros existentes. Dessa forma estamos garantindo a justa aplicabilidade dos recursos públicos e valorizando não só os novos empreendimentos, mas também aqueles existentes há décadas”, observa o gestor.

 

Acompanhando pelos secretários municipais de Governo e Obras, Infraestrutura e Transportes, respectivamente, Neivo Aparecido Fonseca e Cosmen Brito de Souza, Valdenir classificou como positivo o cronograma das obras.

 

“Para reduzir custos, optamos pelo uso de maquinário próprio e mão de obra de servidores municipais. Isso gera uma economia considerável, haja vista que apenas a aplicação da massa asfáltica será feita por uma empresa terceirizada”, conclui.

 

Iniciada em junho e orçada em R$ 1,7 milhão, essa etapa do programa prevê a conclusão de obras de drenagem, construção de uma ciclovia além da instalação de superpostes e da pavimentação da avenida Juscelino Kubitschek além das ruas paralelas e uma adjacente.