E-mail Imprimir

Imprensa | Ultimas Notícias

VOLTAR

FÁBRICA DE CONFECÇÃO 'COSTURANDO SONHOS'

18 de Março | 11:48

Autor: Karen Misae de Borba Fonte: ASCOM Foto: Divulgação

Uniformes produzidos em projeto social de Nova Ubiratã já são comercializados em 30 empresas

Jalecos, aventais, macacões, camisas e calças, essas são algumas das peças comercializadas pela fábrica de confecções “Costurando Sonhos” em pelo menos 18 empresas de Nova Ubiratã.

 

Inaugurada em janeiro deste ano, por meio do Projeto Social Japuíra, desenvolvido pelo Instituto Mato-grossense de Algodão (IMAMT), com apoio da Administração Municipal, a malharia emprega dez costureiras que também auxiliam gestão comercial do empreendimento.

 

Segundo a coordenadora da fábrica, Claudete Peruzzo (Mana), as peças produzidas em Nova Ubiratã já estão sendo revendidas em outras cidades como Cuiabá e Rondonópolis, esta última adquiriu parte dos uniformes escolares da rede municipal de ensino.

 

“Trabalhamos com matéria prima de alta qualidade e temos preços competitivos. Atributos que tem chamado à atenção de consumidores de diferentes cidades da região. Entre a nossa lista de clientes estão 32 empresas, sendo 18 delas instaladas em Nova Ubiratã”, assinala.

 

Claudete explica ainda que para complementar a renda, por sua vez distribuída entre as empreendedoras, a malharia investiu na produção de outras peças masculina, feminina e infantil. Entre os itens mais comercializados estão calcinhas, cuecas e pijamas. As peças variam entre R$ 5 e R$ 45 reais.

 

“Estamos muito entusiasmadas com a aceitação do nosso produto. Isso demostra que os nossos esforços e dedicação tem surtido resultado positivo”, assinala.

 

Responsável pela vinda do projeto, o secretário de Indústria, Comércio, Turismo e Cultura de Nova Ubiratã, Wellyngton Manoel Miranda Tavares, revela que diante do aumento de encomendas o grupo já está preparando a mudança para um local mais amplo.

 

“Elas identificaram a necessidade de oferecer serviços de serigrafia e bordados. Com a aquisição dessas novas máquinas a mudança para um espaço maior tornou-se inevitável”, explica o gestor que sem esconder o entusiasmo complementa.

 

“Essas mulheres são verdadeiras guerreiras e tem demonstrado isso diariamente. Sinto-me orgulhoso em fazer parte desse projeto que já transformou a vida de dezenas de mulheres em Nova Ubiratã”, diz.

 

Parceria de sucesso

O Projeto Japuíra foi implantado no município em 2018 objetivando a profissionalização e aumento de renda do público alvo.

 

Conforme cronograma, a primeira comunidade a ser beneficiada foi o Distrito Parque Água Limpa onde pelo menos 25 mulheres tiveram acesso ao programa de aprendizado e empreendedorismo.