E-mail Imprimir

Imprensa | Ultimas Notícias

VOLTAR

GERAÇÃO DE EMPREGO E RENDA

21 de Maio | 09:59

SECRETARIA: Previdência

Autor: Michel Ferreira Fonte: Ascom Foto: Agustinho Junior

Prefeitura Municipal de Nova Ubiratã

Tida por especialistas como a obra mais importante da história do município de Nova Ubiratã, a subestação de energia elétrica está prestes a sair do papel.

 

Isso porque a empresa Energisa, responsável pelo gerenciamento do setor elétrico em Mato Grosso, iniciou nesta quarta-feira (18) as obras de construção da linha de transmissão e do fundamento da subestação de energia elétrica de Nova Ubiratã.

 

A obra, orçada em pouco mais de R$ 36 milhões de reais, prevê a construção de uma moderna subestação de energia e de aproximadamente 75 km de linhas de transmissão interligando Nova Ubiratã ao Distrito de boa Esperança do Norte (Sorriso).

 

Além de aquecer  a economia local, com a contratação de dezenas de trabalhadores, a obra ainda possibilitará a vinda de novas empresas para o município.

 

“Infelizmente a falta de planejamento a médio e longo prazo trouxeram prejuízos irreparáveis á Nova Ubiratã, isso porque nós não tínhamos energia suficiente o que impossibilitava a vinda de novas empresas. A realidade agora é outra, até janeiro teremos energia de sobra”, afirmou o prefeito Valdenir José dos Santos durante visita ao canteiro de obras.

 

Ainda de acordo com o chefe do executivo, o projeto tem atraído investidores de todo o Estado. “Nos últimos meses nossa equipe de governo se reuniu com dezenas de empresários e pra nossa satisfação 90% deles demonstraram interesse em se instalar em Nova Ubiratã, isso significa que o tão sonhado desenvolvendo chegou”, complementou Valdenir.

 

Também participaram da visita o secretário municipal de governo, Neivo Aparecido Fonseca e os vereadores Claudiomir Campagnoni (Bidão) e Heder Sais Machado um dos idealizadores do projeto.

 

“Estou muito feliz com a realização dessa obra, foram anos de muito trabalho e negociações e hoje vê-la saindo do papel é muito prazeroso, como vereador me sinto com a sensação de missão cumprida”, comemorou Heder.

 

Geração de emprego e renda – Até o término da obra, previsto para dezembro de 2016, a empresa deve gerar mais de 60 empregos diretos aquecendo a economia local.

 

A pedido da administração pública, essa mão de obra será contratada no próprio município. Os interessados nas vagas devem encaminhar seus currículos devidamente preenchidos á Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Turismo.

 

Luz para todos – Durante o encontro Oscar César ainda confirmou que Nova Ubiratã será uma das 27 cidades do Estado a serem beneficiadas, no máximo até 2017, com o programa de Universalização da Energia Elétrica Rural em Mato Grosso.

 

O Programa Nacional criado através do Decreto Nº 4.873/2003, e aprovado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), prevê a universalização do acesso e uso da energia elétrica aos moradores da Zona Rural das 141 cidades do Estado até 2019.